sexta-feira, 2 de julho de 2010

Arte e Poesia em Modus Vivendi

 

27 de junho de 2010

Busca

Busco na eternidade
dias demarcados
aos gestos. Imobilizado
na ultrapassagem
de nuvens
encobertas: infinito
horizonte das esperas
entorno na consciência
de marginalidades. Estupor
sobreposto ao medo na metalização
do ocaso. Fogo
decompondo cinzas
em retorno.
.

Pedro Du Bois
.

25 de junho de 2010

O Meu Coração

O meu coração é um lago, meu amor,
vem remar sobre ele.
Despedaçar-me-ei contra o teu barco como uma
pedra de jade contra a tua sombra branca.
O meu coração é uma vela, meu amor;
fecha a porta, por favor.
Arderei tranquilamente até ao fim
sem que uma única lágrima trema e caia
sobre a tua saia de seda.
O meu coração é um vagabundo, meu amor;
por favor, toca flauta.
Ficarei tranquilamente toda a noite
a ouvir-te tocá-la sob a lua.
O meu coração é uma folha caída, meu amor,
permite-me que fique um pouco no teu jardim.
Quando o vento soprar, deixar-te-ei,
e serei de novo um vagabundo solitário.
.
Dong-Myung Kim
.

24 de junho de 2010

São João Baptista

sao-joao-batista.gif
no seu dia
.

Falar Na Cama

Falar na cama devia ser de resto,
o mais fácil, deitados remonta tão atrás,
como emblema de um par a ser honesto.
Mas passa mudo o tempo em seus vagares.
Lá fora, o vento, não de todo lesto,
Faz e dispersa nuvens pelos ares.
Ao longe, em seu negrume há as cidades. Não,
nada cuida de nós. Nada a mostrar
porque é que a tal distância do isolamento são
ainda mais difíceis de encontrar
palavras doces e verdadeiras prestes,
ou não inverdadeiras nem agrestes.
.
Philip Larkin
.

23 de junho de 2010

Charles Sheeler

Precisionist_Painters_Charles_Sheeler.jpg
uma outra geometria
.

Alterações

O latido do cão
não altera águas
paradas.
O poço
espelha
a imagem
de nuvens
em revoada.
O barulho do cão
some no espaço
diluído.
A água empoçada
permanece.
.
Pedro Du Bois
.
|
.
.

1 comentário:

tst oproprio disse...

dificilmente se pode explicar
o que não se vê?
comentei quando?
onde ? D'ali e D'aqui presumo
assim o modus vivendi vai-se abaixo