quarta-feira, 25 de junho de 2014

Joaquim Custódio Moreira - Intolerância

***


Do meu camarada ( Joaquim Custódio Moreira)

INTOLERÂNCIA

A injustiça desespera os humanos! 
Teima em avançar a passos
Firmes e desumanos…!
Há especuladores a fazer planos
Para dez, vinte e trinta anos…!

Os fortes dentro da muralha!
Apregoam com desprezo pela humanidade
Para continuar a ser como é…!
Aquilo que é de direito levará tempo
A ser perfeito… mas com o tempo
E com jeito… voltará a entras nos eixos
Sem preconceitos …!

Os mais oprimidos e menos informados,
Vão dizendo… aquilo que era nosso e nos tiraram
Por muito que queiramos nunca mais alcançamos…!
A palavra nunca não existe!
Enquanto conseguires respirar…
E se por ventura não aguentares…
Alguém virá e conseguirá lutar para alcançar
As derrotas perdidas…

O dominador por mais que queira iludir…
O Povo vai-se cansando das vozes
Mentirosas dos dominantes…!
O tempo está a ser esgotado, mais dia, menos dia
Falarão os dominados nem que para isso
Corram o risco de ser espancados…!

Está escrito, que os vencidos de hoje serão
Os vencedores do amanhã…
Desde que a vontade não esmoreça
E as gargantas não sequem…!
Ninguém quer estender a mão…
Porque sabem que não lhe dão pão
Só querem o que têm de direito.

Não basta dizer, que o mundo é perfeito…
Só diz que é perfeito aquele que lhe dá jeito…!

Joaquim Moreira
25-06-2014
 

Sem comentários: